sábado, 10 de junho de 2017

Salmo 51: O SALMO DO PERDÃO!

Você se sente ruim, mal, melancólico, triste, distante de Deus? Sente que não há sentido ou falta um sentido na sua existência? Bem, há algo que nos impede de encontrarmos o sentido da vida e da existência, há algo que nos separa nos esmaga, nos piora em todos os sentidos... Este algo, esta barreira, é o pecado! Leia este texto escrito por Davi que foi rei de Israel a aproximadamente três mil anos. Estas palavras inspiradas que encontramos no maior livro da Bíblia trada do perdão ou de pedir perdão para Deus. Não existe um ser humano que não erre, que não peque. TODOS QUE NASCERAM NESTE MUNDO com exceção de Jesus Cristo - o filho do Deus Vivo - O Messias - O Cristo - todos pecaram... E somente mediante a fé em Jesus Cristo que morreu pelos seres humanos de todos os tempos épocas e lugares... Mediante a fé em Cristo e o perdão dos pecados acontece este encontro com o Criador! Assim haverá paz em você leitor e leitora, haverá sentido, alegria, esperança neste mundo louco, mal, perigoso, violento e desesperadamente agonizante sem Deus... Acredite, entregue-se, leia e que estas palavras inspiradas sejam vivas em sua alma, mente, coração, espírito. Que sejam alimento, revelação, salvação, perdão! Leia! Ore! Entenda! Aprenda! Seja verdadeiramente livre:


   SALMO 51:

Tem misericórdia de mim, ó Deus, segundo a tua benignidade; 

apaga as minhas transgressões, segundo a multidão das tuas misericórdias.


Lava-me completamente da minha iniquidade, e purifica-me do meu pecado.



Porque eu conheço as minhas transgressões, e o meu pecado está sempre diante de mim.



Contra ti, contra ti somente pequei, e fiz o que é mal à tua vista, 


para que sejas justificado quando falares, e puro quando julgares.


Eis que em iniquidade fui formado, e em pecado me concebeu minha mãe.



Eis que amas a verdade no íntimo, e no oculto me fazes conhecer a sabedoria.



Purifica-me com hissopo, e ficarei puro; lava-me, e ficarei mais branco do que a neve.



Faze-me ouvir júbilo e alegria, para que gozem os ossos que tu quebraste.



Esconde a tua face dos meus pecados, e apaga todas as minhas iniquidades.



Cria em mim, ó Deus, um coração puro, e renova em mim um espírito reto.



Não me lances fora da tua presença, e não retires de mim o teu Espírito Santo.



Torna a dar-me a alegria da tua salvação, e sustém-me com um espírito voluntário.



Então ensinarei aos transgressores os teus caminhos, e os pecadores a ti se 



converterão.


Livra-me dos crimes de sangue, ó Deus, Deus da minha salvação, 



e a minha língua louvará altamente a tua justiça.


Abre, Senhor, os meus lábios, e a minha boca entoará o teu louvor.



Pois não desejas sacrifícios, senão eu os daria; tu não te deleitas em holocaustos.



Os sacrifícios para Deus são o espírito quebrantado; a um coração quebrantado e 



contrito não desprezarás, ó Deus.


Salmos 51:1-17

CREMOS - CREIO

CREMOS - CREIO:

Em um mundo em transformações que frequentemente modifica suas premissas e valores, os princípios absolutos do Evangelho do Senhor Jesus Cristo permanecem inabaláveis, evidenciando o propósito divino para a humanidade. Temos a Bíblia como a revelação de Deus, dada a santos homens por inspiração do Espírito Santo e a reconhecemos como autoridade única e infalível quanto a fé e conduta. Dessa divisa deriva nossa Declaração de Fé que consta de 14 pontos doutrinais, publicados e praticados pelas Assembleias de Deus no Brasil.


1) Em um só Deus, eternamente subsistente em três pessoas: o Pai, o Filho e o Espírito Santo (Dt 6.4; Mt 28.19; Mc 12.29). 

2) Na inspiração verbal da Bíblia Sagrada, única regra infalível de fé normativa para a vida e o caráter cristão (2 Tm 3.14-17). 

3) Na concepção virginal de Jesus, em sua morte vicária e expiatória, em sua ressurreição corporal dentre os mortos e sua ascensão vitoriosa aos céus (Is 7.14; Rm 8.34 e At 1.9). 

4) Na pecaminosidade do homem que o destituiu da glória de Deus, e que somente o arrependimento e a fé na obra expiatória e redentora de Jesus Cristo é que pode restaurá-lo a Deus (Rm 3.23 e At 3.19). 

5) Na necessidade absoluta do novo nascimento pela fé em Cristo e pelo poder atuante do Espírito Santo e da Palavra de Deus, para tornar o homem digno do Reino dos Céus (Jo 3.3-8). 

6) No perdão dos pecados, na salvação presente e perfeita e na eterna justificação da alma recebidos gratuitamente de Deus pela fé no sacrifício efetuado por Jesus Cristo em nosso favor (At 10.43; Rm 10.13; 3.24-26 e Hb 7.25; 5.9). 

7) No batismo bíblico efetuado por imersão do corpo inteiro uma só vez em águas, em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo, conforme determinou o Senhor Jesus Cristo (Mt 28.19; Rm 6.1-6 e Cl 2.12).
8) Na necessidade e na possibilidade que temos de viver vida santa mediante a obra expiatória e redentora de Jesus no Calvário, através do poder regenerador, inspirador e santificador do Espírito Santo, que nos capacita a viver como fiéis testemunhas do poder de Cristo (Hb 9.14 e 1Pd 1.15). 

9) No batismo bíblico no Espírito Santo que nos é dado por Deus mediante a intercessão de Cristo, com a evidência inicial de falar em outras línguas, conforme a sua vontade (At 1.5; 2.4; 10.44-46; 19.1-7). 

10) Na atualidade dos dons espirituais distribuídos pelo Espírito Santo à Igreja para sua edificação, conforme a sua soberana vontade (1 Co 12.1-12). 

11) Na Segunda Vinda pré-milenial de Cristo, em duas fases distintas. Primeira – invisível ao mundo, para arrebatar a sua Igreja fiel da terra, antes da Grande Tribulação; segunda – visível e corporal, com sua Igreja glorificada, para reinar sobre o mundo durante mil anos (1Ts 4.16. 17; 1Co 15.51-54; Ap 20.4; Zc 14.5 e Jd 14). 

12) Que todos os cristãos comparecerão ante o Tribunal de Cristo, para receber recompensa dos seus feitos em favor da causa de Cristo na terra (2Co 5.10). 

13) No juízo vindouro que recompensará os fiéis e condenará os infiéis (Ap 20.11-15). 

14) E na vida eterna de gozo e felicidade para os fiéis e de tristeza e tormento para os infiéis (Mt 25.46).

http://assembleia.org.br/em-que-cremos/

terça-feira, 6 de junho de 2017

O CULTO É PARA DEUS! E Jesus, respondendo, disse-lhe: Vai-te para trás de mim, Satanás; porque está escrito: Adorarás o Senhor teu Deus, e só a ele servirás. Lucas 4:8



 O CULTO É PARA DEUS!
 O CULTO É PARA DEUS!
 O CULTO É PARA DEUS!

O!
CULTO!
É!
PARA!
DEUS!

NÃO É PARA MIM!
NÃO É PARA VOCÊ!
NÃO É PARA UMA CELEBRIDADE!
NÃO É PARA UMA ORGANIZAÇÃO!
NÃO É PARA UMA DENOMINAÇÃO!
NÃO PODE, NÃO É, NÃO DEVE, JAMAIS...
SER POR DINHEIRO, FAMA, PODER, POLÍTICA, PRIVILÉGIO, ARROGÂNCIA, EGOCENTRISMO, PROMOÇÃO PESSOAL, BEM ESTAR BESTA E PÓS MODERNO...

 O CULTO É PARA DEUS!

NÃO É PARA CULTUAR E ADORAR PELO QUE ELE - DEUS - FARÁ POR NÓS OU DARÁ PARA NÓS! NEGUE TODA TEOLOGIA DE PROSPERIDADE E QUE COLOCA O HOMEM NO CENTRO!

 O CULTO É PARA DEUS!
 O CULTO É PARA DEUS!
 O CULTO É PARA DEUS!
 O CULTO É PARA DEUS!

E É PELO QUE ELE É!
E O QUE ELE É?

TODO PODEROSO!
CRIADOR!
ÚNICO E VERDADEIRO SENHOR DE TUDO!
PRINCÍPIO E FIM!
SALVADOR! 
SENTIDO DE TUDO: DA VIDA E DA EXISTÊNCIA HUMANA!
REVELADO NA COMPLEXIDADE DO NATURAL, DO COSMO, DO HUMANO!
DEUS! 
REVELADO NAS ESCRITURAS MILENARES, NA BÍBLIA JUDAICA CRISTÃ:
DEUS DE ABRAÃO!
DEUS DE ISAQUE!
DEUS DE ISRAEL!
DEUS DE MOISÉS, DE ELIAS, DE ELISEU!
DEUS DE EZEQUIEL DE DANIEL!
DEUS DOS SALMOS!
DEUS DOS PROFETAS!
DEUS DOS APÓSTOLOS!
O DEUS DA GRAÇA E DA VERDADE!
AMOR!
DEUS DA PAZ VERDADEIRA!

DEUS ABSOLUTO QUE REVELOU-SE EM SEU FILHO UNIGÊNITO JESUS O CRISTO O UNGIDO O MESSIAS!

JESUS CRISTO! SANTO PERFEITO CORDEIRO DE DEUS IMOLADO MORTO SACRIFICADO E RESSUSCITADO!
JESUS! O CRISTO O FILHO DO DEUS VIVO!
CREIA! ACEITE! ENTREGUE-SE! 

GLÓRIA!
DIGA: GLÓRIA!
LOUVE: GLÓRIA!
  
GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! 
GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA!

TENHA FÉ!
SEJA QUEBRANTADO!
SEJA COMOVIDO!
SEJA FORTALECIDO, FORTALECIDA!
SEJA CURADO, CURADA...
SEJA SALVO, SEJA SALVA!

GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! 
GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA!

GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! 
GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA!

GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! 
GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA! GLÓRIA!

VOCÊ DE QUALQUER IDIOMA, COR, ETNIA, NACIONALIDADE, VOCÊ HUMANO, HUMANA, VOCÊ QUE ESTA LENDO ESTAS LETRAS, ESTE TEXTO SIMPLES DE UM HOMEM SIMPLES QUE REJEITOU A DEUS POR UM TEMPO, QUE NÃO COMPREENDEU ENFERMO PELA CARNALIDADE PECULIAR E NATURAL AO HOMEM CAÍDO! VOCÊ LEITOR LEITORA BUSQUE DEUS, ACREDITE EM DEUS, CREIA EM JESUS CRISTO, SEJA CONFORTADO E ILUMINADO PELO SANTO ESPÍRITO DE DEUS!


DEUS EXISTE!
DEUS ESTA EM TODOS OS LUGARES E EM TODOS OS TEMPOS!
DEUS ESTA COMIGO E COM VOCÊ!
BUSQUE!
CREIA!
CLAME! 
ADORE!

O PAI DEVE SER ADORADO!
O FILHO DEVE SER ADORADO!
O ESPÍRITO SANTO DEVE SER ADORADO!

 O CULTO É PARA DEUS!
 O CULTO É PARA DEUS!
 O CULTO É PARA DEUS!

Porque as suas coisas invisíveis, desde a criação do mundo, tanto o seu eterno poder, como a sua divindade, se entendem, e claramente se vêem pelas coisas que estão criadas, para que eles fiquem inescusáveis; Romanos 1:20

Porque nele foram criadas todas as coisas que há nos céus e na terra, visíveis e invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades. Tudo foi criado por ele e para ele. Colossenses 1:16

E não há criatura alguma encoberta diante dele; antes todas as coisas estão nuas e patentes aos olhos daquele com quem temos de tratar. Hebreus 4:13
Pela fé entendemos que os mundos pela palavra de Deus foram criados; de maneira que aquilo que se vê não foi feito do que é aparente. Hebreus 11:3
Porque do céu se manifesta a ira de Deus sobre toda a impiedade e injustiça dos homens, que detêm a verdade em injustiça. Romanos 1:18
E ouvi a toda a criatura que está no céu, e na terra, e debaixo da terra, e que estão no mar, e a todas as coisas que neles há, dizer: Ao que está assentado sobre o trono, e ao Cordeiro, sejam dadas ações de graças, e honra, e glória, e poder para todo o sempre. Apocalipse 5:13
Olhando para Jesus, autor e consumador da fé, o qual, pelo gozo que lhe estava proposto, suportou a cruz, desprezando a afronta, e assentou-se à destra do trono de Deus.Hebreus 12:2
E os vinte e quatro anciãos, que estão assentados em seus tronos diante de Deus, prostraram-se sobre seus rostos e adoraram a Deus, Apocalipse 11:16

Disse então Maria: A minha alma engrandece ao Senhor,
E o meu espírito se alegra em Deus meu Salvador;
Porque atentou na baixeza de sua serva; Pois eis que desde agora todas as gerações me chamarão bem-aventurada,
Porque me fez grandes coisas o Poderoso; E santo é seu nome.
Lucas 1:46-49

https://www.bibliaonline.com.br/acf/lc/1/46+

 Maria declarou que Deus foi seu SALVADOR!
MARIA NÃO SALVA!
MARIA NÃO PODE OUVIR AS ORAÇÕES!
SÓ QUEM OUVE ORAÇÕES É DEUS QUE É ONIPRESENTE E ONIPOTENTE, QUE É ONISCIENTE!

AMÉM!


segunda-feira, 29 de maio de 2017

IDE NÃO É TÃO LONGE ASSIM: REFLEXÃO PARA UMA VIDA DE PAIXÃO PELAS PESSOAS. Ide por todo o mundo e pregai o evangelho (Mt.28.19;Mc.16.15) - “O IDE NÃO É TÃO LONGE ASSIM”



IDE NÃO É TÃO LONGE ASSIM: REFLEXÃO PARA UMA VIDA DE PAIXÃO PELAS PESSOAS.

Palavras (estudo) do pastor teólogo escritor Carlos Augusto Lopes - Brasil

Ide por todo o mundo e pregai o evangelho 
(Mt.28.19;Mc.16.15)

Dr. Timóteo Carriker que foi meu professor de missiologia na minha pós-graduação dizia que a Bíblia é um livro essencialmente missionário e que só podemos fazer missão através do Espírito Santo de Deus em total obediência a sua palavra.
Quando estive no Congresso Brasileiro de Evangelização na cidade de Belo Horizonte em 2003 estive na casa do diretor da Missão Betânia no Brasil reverendo Cícero Bezerra. Ele tinha publicado o livro do Dr. Ronaldo Lidório e me presenteou com um exemplar, logo percebi que para o missionário Lidório “ O Ide não é tão longe assim”.
O missionário Ronaldo Lidório que durante anos evangelizou os esquecidos Konkombas, no oeste africano em seu livro “ Missões o Desafio Continua”, diz que missão não é definido em termos de resultados, mas sim de fidelidade ao Senhor.
Ruth A. Taucker, mostra em seu livro " Até Aos Confins da Terra", que homens e mulheres, trabalharam de maneira firme e constante na obra missionária e esses lugares em sua grande maioria eram longínquos e distantes. Taucher, nos leva para uma leitura reflexiva e biográfica das missões cristãs. Com isto percebemos que para aqueles servos do Senhor o " Ide não era tão Longe assim".
Todos os estudiosos em missão afirmam que Jesus Cristo chamou a igreja para uma tarefa de romper fronteiras e barreiras, logo o "Ide não é tão longe assim", pois como disse o médico e missionário inglês David Livingstone “ Sem Cristo, Nem mesmo um passo; com Cristo, a qualquer lugar”.
O erudito Stanley Jones em seu livro “ Jesus é Senhor”, diz que Jesus Cristo tinha três hábitos que todos nós temos que ter também “ A leitura da Palavra de Deus, a Oração e a evangelização.
Isso denota que Jesus Cristo na qual foi o primeiro missionário, usando a frase do amado médico missionário Dr.Livingstone “O Ide não é tão longe assim” como também não foi para os seus discípulos e para a igreja do caminho, pois a “Missio Dei” era vista não como um peso desfocal mas como obediência e urgência.
No campo missiologal existem algumas frases que marcaram o “ Ide e Anunciai” de Jesus na história da Igreja e isso mostra que de fato “O Ide não é tão longe assim, quando missões está em nosso coração e na estrutura da igreja cristã.
O próprio Oswald Smith que trabalhou em mais de 70 países e ficou conhecido como “Senhor das missões” cita com liberdade e regozijo essas frases em seu fabuloso livro “Evangelizemos o mundo”.
“ Faça grandes coisas para Deus, e espere grandes coisas de Deus” (William Carey),
“ Se Jesus Cristo é Deus e morreu por mim, então nenhum sacrifício que eu fizer por Ele pode ser grande demais (C. Studd),
“ A igreja que deixa de ser evangelistica, em breve deixa de ser evangélica” (Alexander Duff)
"A Igreja que não evangeliza se fossiliza" (autor desconhecido).
“ Deus tinha um único Filho, e fez dele um missionário" (David Livingstone).
“ A questão não é bem quanto do meu dinheiro darei a Deus, mas quanto do dinheiro de Deus reservarei para mim (autor desconhecido).
“Só Cristo pode salvar o mundo, mas Cristo não quer salvar sozinho o mundo ele conta com nossa colaboração” (autor desconhecido).
"A tarefa toda, de toda a igreja, é dar o Evangelho todo, ao mundo todo"(autor desconhecido)
"O melhor remédio para uma igreja enferma é pô-la em dieta missionária" (autor desconhecido)
"Desconhecemos quantos milhões ainda desconhecem o evangelho" (autor desconhecido)
"A luz que alcança mais longe é aquela que brilha mais ali perto de casa" (autor desconhecido).
Para os moravianos na liderança do conde Nicolau Zinzendorf “O Ide não era tão longe assim” , Eles viveram de maneira santa, encarnacional e obediente a obra missionária.
Eles fizeram muito pela a evangelização do mundo e mostraram para as gerações futuras a seriedade do chamado, a doçura de fazer a vontade do seu Senhor e o compromisso de levar Cristo aos povos não alcançados, para eles de fato "O Ide não era tão longe assim”.
E nós o que vamos fazer com ” O Ide não é tão longe assim?", será que vamos achar de fato longe, vamos relegar a segundo plano, vamos ser tragado pelo modernismo pós-cristao ou pelo relativismo visionário templista.
Como igreja de Cristo devemos fazer e dizer em alto tom que “ O Ide não é tão longe assim”, ele deve ser obedecido e temos razões para isso, pois a Bíblia nos chama a esta tarefa sublime e a história da igreja nos deixou um legado exemplativo.
De fato devemos obedecer a Cristo e não o modismo contemporâneo que arrasta multidão para o parasitismo missiologal. Devemos de fato com nossa atitude e obediência darmos glória a Deus e servir o mundo como disse o missiólogo Dr.Johannes Blauw, por que sem dúvida o Ide Não é tão longe assim".
Adoniram Judson compreendeu com maestria este ponto importante e usou a sua lavra para dizer que " Muitos crentes consagrados jamais atingirão os campos missionários com seus próprios pés, mas poderão alcança-lo com os seus joelhos", de fato o Ide é marcado pela obediência e por uma vida de oração e consagração.
Na definição clássica do missionário William Carey, sobre "O Ide não é tão longe assim" , ele atesta dizendo: " Na mente divina não há distinção entre missões estrangeiras e missões nacionais. Onde houver uma alma perdida, aí está um campo missionário".
O missionário David Brainerd, um modelo de vida consagrada bradou dizendo: "Não me importei onde ou como eu vivia, nem quais provações tive de atravessar, contanto que assim pudesse ganhar almas para Cristo".
Quando estive pregando junto com o missionário Zig Fried Zius, em palestras para pastores e obreiros do CAD, numa das suas preleções ele disse: "Cristo garantiu para nós o Ide e não a volta", todavia é justamente ali neste lugar difícil que eu quero fazer missões, "Ali onde a fé é mas cara".
Encerro este artigo com duas histórias inspirativas. A primeira fala sobre o Oleiro um dos últimos missionários do movimento moravianos narrado pelo Dr. Ronaldo Lidório e a segunda história e de Myconius amigo de Martinho Lutero, narrado pelo Reverendo do século passado Horatius A. Bonnar.
Primeira História
No dia 13 de agosto de 1727, Deus derramou um profundo avivamento sobre um grupo de Checos refugiados na Saxônia, atual Alemanha, chamado de Morávios. Com o Conde Nikolaus Zinzendorf á frente daquela comunidade que vivia no vilarejo de Hernhut, nasceu ali uma obra missionária sem precedentes desde os primeiros séculos. Dali saíram centenas de crentes apaixonados por Jesus. Foram enviados para a Espanha, Itália, África do Sul, São Tomé e Príncipe e até o Brasil, além de tantas outras regiões. Impactaram sociedades, plantaram igrejas e certamente fizeram muito maias do que a história conseguiu registrar.
Já no fim desse movimento missionário, Zinzendorf se sentiu desafiado a enviar um missionário para alcançar os esquimós no Alaska. Ele relatou que certa noite sonhou com Jesus, e que nesse sonho o Senhor instruía a enviar o Oleiro.
O oleiro era um homem de meia idade, crente no Senhor Jesus, mas de personalidade pacata e que não demostrava capacidade de liderança até então. Zinzendorf o chamou e lhe expôs seu sonho e sua preocupação com os Esquimós. Antes que o oleiro se manifestasse, o conde acrescentou que, se aquele desafio fosse aceito por ele, infelizmente ele não poderia contar com uma equipe para acompanhá-lo, pois não dispunha de outros missionários. Não haveria também meios de sustenta-lo financeiramente, pois tinha usado todos os recursos para o sustento de outros obreiros.
Por fim, cria que talvez voltasse, já que o Alasca no século XVIII certamente era uma das regiões mais isoladas e inacessíveis do planeta. Em outras palavras, ele deveria ir só, sem sustento e sem garantia de voltar. Sem dúvida, esse foi um convite missionário desprovido de atrativos.
Aquele oleiro permaneceu em oração por dois minutos e, por fim levantou o rosto e respondeu: " Se o senhor conseguir me dar um par de sandálias usadas, amanhã cedo eu partirei".
O conde lhe deu as sandálias. A história não relata, mas imagino que aquele homem estava descalço. No outro dia, Zinzendorf foi á casa dele procurá-lo. Mas chegou tarde, o oleiro já havia partido logo bem cedo, para jamais voltar.
Hoje, de todos os esquimós da Terra, mas de 50% são convertidos ao Senhor Jesus. Isso por que um homem, do qual nem sequer sabemos o nome, pediu apenas um par de sandálias usadas para seguir a Jesus e espalhar o evangelho até o distante Alasca.
Segunda História
Na vida de Myconius, o grande amigo de Martinho Lutero, de acordo com Melchior Adam, nós temos uma descrição marcante do evento que o envolveu no grande momento de sua vida e que o levou a gastar todas as suas energias na causa de Cristo. Logo na primeira noite de vida monástica ele teve um sonho. Era como se ele estivesse vagando sozinho por um imenso deserto.
De repente ele foi surpreendido por alguém que apareceu e o conduziu para um vale de uma beleza inigualável onde havia uma corrente de água da qual não lhe foi permitido beber. Mas adiante ele encontrou a fonte onde brotava aquela água. Ele quis se ajoelhar-se para beber quando quando eis que apareceu diante dele o Senhor crucificado, cujas feridas faziam jorrar toda aquela água.
E, num momento muito rápido, aquele que o havia guiado ate o vale o arremessou dentro da fonte. E a sua boca encheu-se da água que jorrava das feridas, e ele pode então mitigar aquela sede que lhe afligia a vida, e desde então nunca mas teve sede.
Logo depois de ter bebido da fonte, ele foi levado para um outro lugar onde o seu guia lhe falou das grandes coisas que ele iria fazer pelo Senhor crucificado que havia inundado a sua alma com a água viva.Eles estavam numa planície muito vasta que estava toda coberta de trigo que se agitava pelo vento. O seu guia então ordenou que ele começasse a colher o trigo. Mas ele quis recusar alegando que nunca fizera aquilo antes, e que portanto não teria a habilidade para fazê-lo.
"O que você não sabe você aprenderá", foi a resposta. Eles se aproximaram um pouco mais e ele avistou um trabalhador que embora solitário, trabalhava como se estivesse determinado a colher todo o trigo sozinho. O seu guia então ordenou que ele puzesse a ceifar ao lado daquele outro ceifeiro, e agarrando uma roçadeira, mostrou como manuseá-la.
Novamente o seu guia o levou para uma colina. Ele contemplou a aquela vasta planície diante de seus olhos e perguntou quanto tempo levaria para ceifar todo o campo com tão poucos trabalhadores. " Antes que o inverno chegue será dada a última foiçada", respondeu o Guia. "Continue com toda a tua força. O Senhor da seara logo enviará mais ceifeiros".
Já fatigado do seu trabalho Myconius teve alguns momentos para descansar. Novamente o Senhor crucificado surgiu ao seu lado, desfigurado e sofrido. Então o guia colocou a mão sobre Myconius DIZENDO: Assim como Ele você deve também ser.
Com estas palavras Myconius despertou de seu sonho. Mas ele despertou para uma vida de fervor e de amor. Ele encontrou o Salvador de sua alma, e pôs-se a pregar a respeito dEle para outros.
Ele tomou posição ao lado daquele outro vigoroso ceifeiro, Martinho Lutero. Ele foi impulsionado pelo seu exemplo e com ele trabalhou naquele vasto campo até que todos os lados afluíam mais trabalhadores e a colheita foi recolhida antes da chegada do inverno. ´
A lição para nós é clara, apanhemos nós as foices. Os campos estão brancos e eles são vastos e poucos são os trabalhadores, porém o Senhor da Seara não nos deixará sozinhos no campo.
Que Deus possa abrir os nossos olhos para o clamor dos aflitos, pois missões é atravessar o oceano mais também é atravessar a minha rua, pois “O IDE NÃO É TÃO LONGE ASSIM” .
Estudo Realizado pelo
Pastor Carlos Augusto Lopes

domingo, 28 de maio de 2017

João 1 e a escolha da trindade! Russell, os Testemunhas de Jeová, os que batem na porta em milhares de lares...



João 1












































1 No princípio era o Verbo, e o Verbo estava

 com Deus, e o Verbo era Deus.



2 Ele estava no princípio com Deus.


3 Todas as coisas foram feitas por ele

e sem ele nada do que foi feito se fez.


4 Nele estava a vida, e a vida era a luz dos

 homens.


5 E a luz resplandece nas trevas, 

e as trevas não a compreenderam.

https://www.bibliaonline.com.br/acf/jo/1


Trindade é um termo teológico! Assim sendo, o argumento de que tal termo não esta na Bíblia não admite-se que seja o conceito errôneo ou herético! Em tantos e tantos textos bíblicos a divindade de Jesus Cristo e do Espírito Santo (uma pessoa e não uma força ativa de Deus) são demonstradas, ensinadas, intrínsecas ao texto revelado!
Em vários países do mundo, na sua casa leitor, pessoas batem na porta durante a manhã ou a tarde, educadamente pedem para conversar, e são educados e educadas mesmo... Isso não vem ao caso... Bem, estas pessoas, são seguidoras de Russell, ( https://pt.wikipedia.org/wiki/Charles_Taze_Russell) estas educadas e doutrinadas pessoas estão portando e distribuindo ou trocando por sabonetes uma Bíblia que somente eles tem, uma tradução, um texto aonde o artigo "UM" aparece no texto de João ! Ou seja, Jesus Cristo seria um OUTRO dEUS, um deus menor, e o pai que é Jeová seria o Deus... Sendo assim, os seguidores de Russell são politeístas e a sua Bíblia esta certa, ou, todas as outras Bíblias estão certas e NÃO existe o artigo citado, e Deus e a Palavra de Deus, o Vergo de Deus, Jesus Cristo - a Luz do Mundo - são o Criador, não separam-se. Há três pessoas na única deidade...

Na Bíblia da sociedade Torre de Vigia - Testemunhas de Jeová esta assim acrescido o artigo mudando totalmente o texto e dando margem para um entendimento politeísta:

João 1










































1 No princípio era o Verbo, e o Verbo estava

 com Deus, e o Verbo era um Deus.



Segundo a Bíblia verdadeira Jesus Cristo é 

Deus:

Jesus Cristo é o mesmo, ontem, e hoje, e eternamente.Hebreus 13:8

Que, sendo em forma de Deus, não teve por usurpação ser igual a
 Deus, Filipenses 2:6

E sabemos que já o Filho de Deus é vindo, e nos deu entendimento para que conheçamos ao Verdadeiro; e no que é verdadeiro estamos, isto é, em seu Filho Jesus Cristo. Este é o verdadeiro Deus e a vida eterna. 1 João 5:20

E ouvi a toda a criatura que está no céu, e na terra, e debaixo da terra, e que estão no mar, e a todas as coisas que neles há, dizer: Ao que está assentado sobre o trono, e ao Cordeiro, sejam dadas ações de graças, e honra, e glória, e poder para todo o sempre. Apocalipse 5:13

https://www.bibliaonline.com.br/acf/busca?q=ao+que+esta+assentado+no+trono+e+ao+cordeiro